Fale Conosco

Enviando...

 

 

Atuando com um grande aparato, que vai desde a presença do corpo administrativo, logística, corregedoria, bases de apoio devidamente estruturadas, além de elevados de segurança na área da festa do Réveillon, a Guarda Civil Municipal de Salvador tem se destacado nas ações de patrulhamento preventivo, no apoio aos órgãos do município e nas ações em apoio ao cidadão. 

Segundo o Inspetor Geral Alysson Carvalho, a criação da Arena Daniela Mercury pela Prefeitura de Salvador, está possibilitando além de mais conforto, uma estrutura que favorece as ações para garantia da segurança do público. “Atuar em uma área fechada, com todo o aparato de segurança, com a participação das Polícias Civil e Militar, Corpo de Bombeiros, Semop e diversos órgãos públicos, faz com que tenhamos mais facilidade de desenvolver ações de segurança pública eficientes em todo perímetro do evento”, disse o Inspetor Alysson, ao destacar as diversas abordagens preventivas que estão sendo realizas pela Guarda Civil na Arena. 

Na última noite de festa, o Núcleo de Estatística da GCM (Nest) registrou 55 atendimentos, o que representou uma redução de 20,3%, em comparação ao segundo dia do réveillon do ano anterior, quando foram contabilizados 69 registros. O órgão registrou ainda 13 ocorrências, contra 06 do ano anterior. “Acreditamos que o pequeno aumento no número de ocorrências, é reflexo do aumento do público e a ampliação das ações preventivas, o que ocasionaram a mais abordagens, por consequência mais encaminhamentos a Delegacia, por depredação do patrimônio público, uso de substâncias ilícitas, intervenção em vias de fatos, além de situações de prestação de socorro”, detalhou o Diretor de Segurança Urbana e Prevenção à Violência, Maurício Lima, ao frisar que as pessoas estão se sentindo ainda mais seguras em participar em um evento com esse formato.

Prevenção

Nas ações preventivas da Guarda Civil, através da Coordenadoria de Ações e Prevenção à Violência, foi contabilizado desde o início do evento, a identificação de 5774 crianças, a entrega de aproximadamente dois mil panfletos, com dicas de segurança, a devolução aos responsáveis de 12 crianças, que estavam perdidas e 13 encaminhamentos de menores a órgãos de proteção, em relação ao direito da criança e adolescente. 

Documentos Perdidos 

A Guarda Civil já registrou do início da Festa da Virada, até agora, mais de 100 documentos perdidos. A lista com os documentos está sendo disponibilizada no site do órgão, www.guardamunicipal.salvador.ba.gov.br, e serão entregues a partir do dia 02 ao dia 05 de janeiro, das 09 às 16 horas, na sede do órgão, na Avenida San Martin. Contudo, as pessoas que estiveram no evento, caso percam algum pertence, podem se dirigir ao setor de achados e perdidos, na área de serviços, para verificar se houve a entrada de algum item.