Fale Conosco

Enviando...
 
 
Ampliando os conhecimentos para prestar um atendimento cada vez mais qualificado aos cidadãos, 15 agentes da Guarda Civil Municipal (GCM) finalizaram nesta semana mais um curso de ‘Manejo e Resgate de Animais Silvestres’. A atividade foi realizada no Centro de Triagem de Animais Silvestres (Cetas) do IBAMA. A capacitação contou com aulas teóricas de manejo e legislação ambiental, além de práticas de captura e contenção de animais silvestres. O curso foi ministrado pelo biólogo e mestre em ecologia Josiano Cordeiro, e pela médica veterinária Fernanda Libório.
 
Esta é a quinta edição da atividade, fruto de uma parceria entre a GCM e o IBAMA. “O treinamento visa capacitar os Guardas Civis, lotados no Grupo Especial de Proteção Ambiental (Gepa), para que aprendam a lidar com animais silvestres em zona urbana”, detalhou o supervisor do Gepa, Robson Pires. 
 
Atualmente o grupamento especial dispõe de 70 servidores, todos lotados no Parque da Cidade. Para estarem aptos a trabalhar na unidade especial, os agentes realizam uma capacitação de aproximadamente 400 horas, que aborda assuntos como resgate, manejo e captura de animais silvestres, entre outros temas.
 
Estabelecendo parcerias – Além de participar da capacitação, o grupamento viabilizou a participação de três agentes da Guarda Municipal de Amargosa, que foram convidados pela instituição soteropolitana, após sinalizarem que a cidade tem interesse em formar um Grupamento Ambiental.
 
A ideia de proporcionar aos profissionais de Alagoinhas esta experiência partiu de uma conversa realizada em um fórum de integração de todas as Guardas Municipais do Estado, que ocorreu na Universidade Federal da Bahia (UFBa). “Construímos uma carta de sugestão no fórum para que pudéssemos dar uma uniformidade em todas as unidades do Estado”, explicou o inspetor geral da Guarda Civil, Alysson Carvalho. A partir deste encontro, as unidades têm se mobilizado em prol de estabelecer parcerias que contribuam com a preservação da fauna e flora baiana.
 
Transmitindo conhecimento – Através da Guarda Civil, soteropolitanos também podem participar de treinamentos e palestras, não apenas voltadas para questões ambientais, mas também a prevenção a violência e outros temas. “Podemos ser multiplicadores, então passamos esse conhecimento para as comunidades e, principalmente, pessoas em fase escolar, que são os maiores difusores de todo esse conhecimento”, afirmou Alysson Carvalho.
 
Para solicitar um treinamento ou palestra, o cidadão ou instituição de ensino pode entrar em contato com a Gerência de Gestão Estratégica da Guarda Civil através do telefone (71) 3202-5312.