0
0
0
s2sdefault



A partir deste sábado (10) até o Dia de Nossa Senhora Aparecida, na segunda-feira (12), a Guarda Civil Municipal (GCM) intensificará a fiscalização nas praias de Salvador, que não poderão ser utilizadas em função do decreto da Prefeitura que estabelece limitações ao uso da faixa de areia em finais de semana e feriados, no intuito de evitar aglomerações e contágio pelo coronavírus.

A operação, chamada "Devagar, Devagarinho", contará com efetivo de cerca de 160 profissionais, entre agentes da GCM, fiscais da Secretaria de Ordem Pública (Semop), Superintendência de Trânsito de Salvador (Transalvador), Secretaria de Desenvolvimento e Urbanismo (Sedur), Coordenadoria de Salvamento Marítimo de Salvador (Salvamar), além de policiais militares.

As equipes de fiscalização estarão nos mais 60km de litoral soteropolitano, fazendo um trabalho para conscientizar a população sobre impossibilidade do uso das praias. Para as ações, a Guarda terá o suporte de 24 viaturas, motocicletas, quadriciclos e um drone.

“Os guadas irão orientar todos os cidadãos que descumprirem o decreto, informando de que não é permitido realizar nenhum tipo de atividade na faixa de areia e nem banho de mar nesses dias de feriadão prolongado. Nosso apelo é para que toda a população colabore com as medidas e protocolos sanitários, que visam preservar vidas e combater a proliferação da Covid-19 ”, destaca o diretor de Segurança Urbana e Prevenção à Violência, Maurício Lima.  

Funcionamento – Soteropolitanos e turistas que quiserem curtir o calorão que tem feito na capital baiana após o feriado de Nossa Senhora Aparecida devem ficar atentos a algumas praias que seguirão fechadas.

A praia de Piatã continuará interditada, com cercas e arame liso, pelo menos até a terça (13) – prazo que pode ser prorrogado. A medida foi tomada pela Prefeitura depois de o local registrar episódios de aglomeração nos últimos finais de semana, mesmo com a proibição do uso.  

As praias do Buracão e Paciência, no Rio Vermelho, bem como a do Porto da Barra, seguem sem permissão de acesso mesmo nos dias úteis e ainda sem previsão de reabertura.

Já as praias de São Tomé de Paripe, Tubarão, Amaralina, Ribeira e Itapuã continuam podendo receber banhistas de terça a sexta (isso porque elas costumam ser muito procuradas às segundas) e a utilização das demais que não estão interditadas está autorizada de segunda a sexta, em horários livres e com exceção sempre de feriados.

Fale Conosco

Enviando...